Arquivo para Rolling Stones

Rolling Stones – Heart of Stone Era / 64 a 67 (Compilação Especial A Cena – 2013)

Posted in Beat, Coletâneas, Coletâneas A Cena, R&B with tags , , , , , , on 16/03/2013 by andremod

2. CAPARolling Stones: banda inglesa formada em Londres, em 1962, a primeira formação era Brian Jones (guitarra/gaita), Ian Stewart (piano), Mick Jagger (vocais/gaita), Keith Richards (guitarra/vocais), Bill Wyman (baixo) e Charlie Watts (bateria). Ao lado dos Beatles, foram considerados a banda mais importante da chamada Invasão Britânica ocorrida nos anos 60, que adicionou diversos artistas ingleses nas paradas norte-americanas e que decisivamente influenciaram na música pop e nos costumes. Tudo começou quando os dois amigos de infância, Mick e Keith, se reencontraram em um trem na estação de Dartford, Inglaterra, e descobriram um interesse em comum por blues e rock and roll. Foram convidados pelo guitarrista Brian Jones em 1962 a montar a definitiva banda de R&B branca, que se chamaria The Rolling Stones, inspirado no nome de uma canção de Muddy Waters, cujo nome foi utilizado oficialmente, pela primeira vez, em sua apresentação no Marquee Club de Londres em 12 de julho de 1962. O pianista Ian Stewart, amigo de Brian, seria o co-fundador da banda, mas porque sua imagem pessoal não tinha o devido sex-appeal, ele seria rebaixado a gerente de palco, com direito a gravar com a banda mas não de posar como membro. Bill Wyman, que embora já vivesse da noite há muito mais tempo que os demais, seria acrescentado à banda por um motivo fútil: possuía mais de um amplificador. Em janeiro de 1963, Charlie Watts assumiria definitivamente a bateria. A boa repercussão nas apresentações ao vivo somadas à habilidade promocional de seu empresário, levou a banda a um contrato com a Decca Records (então a piada do ano por ter recusado um contrato com os Beatles). Seu empresário promove a banda com uma imagem de rebeldes e cria a pergunta: Você deixaria sua filha se casar com um Rolling Stone?. Os primeiros singles, um cover de uma canção de Chuck Berry e Muddy Waters de cada lado, Come On/I Want To Be Loved, e uma gravação para uma composição da dupla John Lennon e Paul McCartney, I Wanna Be Your Man, foram bem aceitos. O primeiro álbum, chamado simplesmente The Rolling Stones, saiu em abril de 1964, contendo apenas uma composição de Jagger e Richards. Apenas com Tell Me (You’re Coming Back), lançado em junho de 1964, é que uma composição da dupla seria lançada como lado A de um compacto. A partir daí, pouco a pouco o material próprio começou a ser valorizado, tendo em Out Of Our Heads, de 1965, o primeiro de uma série de discos basicamente de composições da dupla Jagger-Richards. É nesse ano que a banda lança seu maior hit em todos os tempos, (I Can’t Get No) Satisfaction. Com o álbum Aftermath, de 1966, a banda começaria uma fase de músicas mais longas e de arranjos mais elaborados. O flerte com o rock psicodélico e experimental teria seu ápice no ano seguinte, mas essa é uma outra historia. Aqui os classicos, raridades e obscuridades que vão da fase mais beat/r&b da banda que pega de 1964 até 1967, dividida em 2 discos, links no fim do post:Rolling Stones - 50 Years in Pictures (1)

Musicas:
Cd 01
01. (I can´t get no) Satisfaction
02. 19th nervous breakdown
03. All sold out
04. Around and around
05. As tears go by
06. Bye bye Johnnie
07. Can I get a witness
08. Carol
09. Complicated
10. Connection
11. Coll, calm & collected
12. Empty heart
13. Fortune teller
14. Get off of my cloud
15. Gotta get away
16. Have you seen your mother baby, standing in the shadow
17. Heart of stone
18. Hitch hike
19. I just want to make love to you
20. I wanna be your man
21. I want to be loved
22. If you need me
23. I´m a king bee
24. I´m all right (live)
25. I´m free
26. Think
27. Under my thumb

CD 02
01. I´m moving on (live)
02. It´s all over now
03. It´s not easy
04. I´ve been loving you too long
05. Let´s spend the night together
06. Little by little
07. Mercy mercy
08. Miss Amanda Jones
09. Mona (I need you baby)
10. Money
12. My obsession
13. Not fade away
14. Now I´ve got a witness
15. Off the hook
16. Out of time
17. Paint it black
18. Play with fire
19. Poison Ivy (version 2)
20. Route 66
21. Ruby Tuesday
22. Sad day
23. She said yeah
24. Susie Q
25. Tell me
26. The last time
27. Time is on my side
28. Walking the dog

Download – Cd01  / Cd02

Rolling Stones pode vir a Curitiba este ano (2013)

Posted in Beat, Notícias, R&B with tags , , , on 12/03/2013 by andremod

Os Rolling Stones nos primórdiosO Rolling Stones deverá fazer uma turnê com 18 shows pela América do Norte em 2013. Segundo a rádio 91Rock, as apresentações começam no próximo dia 2 de maio, com passagens por Curitiba e São Paulo.

Segundo informações da revista Veja, o grupo deve se apresentar em São Paulo, durante a inauguração da Arena Palestra, novo estádio do Palmeiras, em dezembro. A mesma empresa administra o estádio do Clube Atlético Paranaense, a Arena, que também tem previsão de inauguração para o último mês do ano; o que cria uma possibilidade real do Rolling Stones se apresentar em Curitiba.

A revista garante que as datas e valores já estão sendo negociados pela AEG, norte-americana responsável pela promoção da turnê dos britânicos, e administradora do estádio. Vale lembrar que o grupo voltou aos palcos em 2012, com alguns shows em Londres e Nova York. Após essas datas, Mick Jagger e Keith Richards afirmaram em diferentes entrevistas que poderia haver mais espetáculos.

Mick Jagger vai produzir cinebiografia de James Brown (2012)

Posted in Cinema, Filmes, Funk, Notícias, Soul with tags , , , , , , , , on 24/10/2012 by andremod

Mick Jagger, líder dos Rolling Stones, se juntará ao veterano de Hollywood, Brian Grazer, para dar continuidade à cinebiografia de James Brown. A informação é do site “Deadline“. O cantor britânico assinará com Grazer a produção do filme, que está em desenvolvimento há algum tempo, desde antes da morte do mestre do funk, em 2006. O roteiro, por sua vez, está nas mãos de Jez e John-Henry Butterworth. A cinebiografia vai mostrar o caminho que levou James Brown, um garoto pobre do subúrbio, aos palcos e sua consagração como o “Pai do Soul“.
É uma grande honra estar envolvido em um projeto tão rico quanto a história do legendário James Brown. Ele foi um artista hipnotizante com uma vida fascinante“, disse Jagger ao site. Enquanto isso, o cineasta Tate Taylor, de “Histórias Cruzadas”, está negociando assumir a direção do longa-metragem, ainda sem título. Segundo a “NME“, a família de James Brown também vai contribuir. “Me sinto profundamente honrada que Mick Jagger e Brian Grazer, duas das pessoas preferidas de meu marido, entraram na parceria para levar sua história inspiradora às telas”, afirmou em comunicado a viúva do pai do soul, Tommie Rae Brown.

Lançamento – Novo filme dos Stones, que comemora 50 anos de banda, estreia em Nova York (2012)

Posted in Beat, Cinema, Documentário, Filmes, Lançamentos with tags , , , , , , , , , on 08/10/2012 by andremod

Fãs que comemoram o aniversário de 50 anos dos Rolling Stones, verão em novo filme cenas inéditas da banda em turnê em 1965, que revela os jovens músicos perseguidos por fãs enlouquecidas, cantando músicas de concorrentes e tocando versões brutas de canções que se tornariam lendas. The Rolling Stones Charlie is my Darling – Ireland 1965, estreou no Festival de Cinema de Nova York semana passada, trazendo imagens cuidadosamente restauradas a partir de uma câmera de mão da viagem de dois dias da banda a Belfast e Dublin. Divulgado na esteira do lançamento do filme “A Hard Day’s Night” dos Beatles, o vídeo era um esforço para fazer os Rolling Stones se acostumarem a ser seguidos por uma câmera, disse a produtora Robin Klein. O vídeo foi filmado pelo cineasta Peter Whitehead. “Eles não sabiam o que iriam fazer com aquilo no momento“, afirmou ela a jornalistas no festival, que, assim como os Stones, também está comemorando seu 50 aniversário este ano. “Era só para colocá-los em frente à câmera. Embora mais ousados e obscursos que muitos de seus contemporâneos musicais, Mick Jagger, Keith Richards, Brian Jones, Bill Wyman e Charlie Watts, no entanto, exalam juventude e amabilidade enquanto zanzam para a câmera. Mas a sofisticação deles transparece, principalmente em comentários de Jagger ponderando o sucesso da banda e a política da época. Também fica exposto o poder sexual dos Stones, à medida que o notório líder da banda seduz o público a tal frenesi que a banda é perseguida fora do palco em Belfast por fãs empolgadas. A turnê ocorreu apenas algumas semanas depois de “(I Can’t Get No) Satisfaction” atingir o topo das paradas musicais. Por trás das cenas, o filme mostra Jagger e Richards cantando alegremente as músicas dos Beatles, “I’ve Just Seen a Face” e “Eight Days A Week” e imitando Elvis Presley cantando “Are You Lonesome Tonight”. “Charlie” apresenta mais de 90.000 quadros individuais restaurados a mão, e mais da metade não foi vista em público, disse o diretor Mick Gochanour. Duas versões anteriores e mais curtas foram feitas a partir da filmagem na década de 1960, mas nunca foram formalmente lançadas, embora tenham chegado ao mercado pirata, disse o publicitário Tracey Jordan. “Charlie is my Darling” será lançado nos formatos DVD e Blu-ray, como parte de um box à venda mundialmente em 6 de novembro.

V.A. – Mojo Presents / The Roots of The Stones (2012)

Posted in Beat, Blues, Coletâneas, Revistas with tags , , , , , , , on 25/08/2012 by andremod

Conforme prometido um tempo atras aqui no blog, estou postando a coletania lançada no mês de agosto pela Mojo Magazine, resgatando as origens e influencias da banda Rolling Stones, que como a maioria sabe bebeu fortemente do Blues americano dos anos 40 & 50. Aqui temos nomes de peso como Jimmy Reed, Bo Diddley, Chuck Berry, Muddy Waters & Slim Harpo, vale a pena conferir:

Musicas:
01. Elmore James & the Broom Dusters – Dust My Broom
02. Eddie Taylor – Bad Boy
03. Jimmy Reed – Hush Hush
04. Bo Diddley – Cops And Robbers
05. Dale Hawkins – Susie Q
06. Gene Allison – You Can Make It If You Try
07. Muddy Waters – I Want To Be Loved
08. The Coasters – Poison Ivy
09. Arthur Alexander – You Better Move On
10. Bo Diddley – Pretty Thing
11. Chuck Berry – Memphis Tennessee
12. The Crickets with Buddy Holly – Not Fade Away
13. Muddy Waters – I Just Want to Make Love to You
14. Jimmy Reed – Honest I Do
15. Slim Harpo – I’m a King Bee

Download

V.A. – Rolling Stones – The Devil’s Jukebox (Uncut Magazine – 2005)

Posted in Beat, Blues, Coletâneas, R&B, Revistas with tags , , , , , , , on 22/07/2012 by andremod

Eis aqui uma otima compilação lançada pela revista Uncut e produzido pela Charity Records em 2005, com as influencias diretas dos Rolling Stones, com total ligação no Blues Delta & e nas raizes iniciais do R&B, regastando o mestre “Robert Johnson“, passando por Buddy Holly, até chegar no duo “romantico“, Ike & Tina Turner. Destaque para o grande Muddy Waters e a selvagem “I Got My Mojo Working“:

01. Elmore James – Dust My Broom
02. Jimmy Reed – Bright Lights, Big City
03. Buddy Holly – Bo Diddley
04. Big Joe Williams – Baby Please Don’t Go
05. Sonny Terry & Brownie McGhee – Whoopin’ The Blues
06. Albert King – Born Under A Bad Sign
07. Howlin’ Wolf – My Baby Walked Off
08. Bobby Womack – It’s All Over Now
09. Muddy Waters – I Got My Mojo Working
10. Ike & Tina Turner – It’s Gonna Work Out Fine
11. Robert Johnson – Love In Vain
12. Gene Allison – You Can Make It If You Try
13. Big Bill Broonzy – Key To The Highway
14. John Lee Hooker – This Is Hip
15. Art Neville & The Meters – Bo Diddley

Download

Lançamento Mojo Magazine – Agosto (2012)

Posted in Beat, Blues, Lançamentos, Notícias, Revistas with tags , , , , , , , , on 22/07/2012 by andremod

Pra quem curte o inicio de carreira dos Stones, da sua fase “Bluseira“, a revista Mojo do mês de agosto tras uma compilação quentissima com varias influencias do grupo britanico e mais uma otima reportagem sobre a “Ascensão e Queda” do musico Brian Jones, um dos fundadores da banda, reportagem essa que conta intimidades e curiosidades da sua vida antes e durante os Stones. Conforme eu conseguir o link para download já vou postar aqui no blog pra ninguem ficar babando, quem quiser adquirir a revista/cd, pode encontrar em lojas especializadas como a Livraria Cultura do Shopping Curitiba.

Mojo Magazine / Site